Outubro Rosa é um momento muito importante para nós do Instituto Avon, porque é nesse mês que lembramos sobre a importância de se observar, se cuidar, manter os exames em dia e que toda mulher tem direito por lei ao tratamento de câncer de mama.

A CAMPANHA

Por meio dessa campanha, queremos mostrar as histórias de mulheres que passaram pelo câncer de mama e hoje enxergam a vida e a doença de outra forma. São pacientes e ex-pacientes que têm peito para dividir suas histórias delas com todos nós.

HISTÓRIAS

CONHEÇA SEUS DIREITOS

O diagnóstico de câncer de mama é um momento muito delicado para a mulher, que muitas vezes se sente só, não sabe quem procurar e como saber mais sobre a doença. Por isso, ao longo do tempo, algumas leis surgiram no Brasil para garantir agilidade e tratamento adequado pela rede de saúde pública.

LEI DOS 30 DIAS

Você sabia que quando o câncer de mama é diagnosticado precocemente, tem chances de cura de até 95%? Para ter agilidade nos diagnósticos, foi criada a lei dos 30 dias, que estabelece que os exames necessários para a confirmação do câncer sejam feitos no prazo de 30 dias.

LEI DOS 60 DIAS

Toda mulher diagnosticada com câncer de mama e laudo em mãos tem direito a começar o tratamento de câncer de mama em um prazo de 60 dias. Em qualquer problema com prazos, é necessário procurar a Secretaria Municipal de Saúde.

DIREITO DA RECONSTRUÇÃO MAMÁRIA

Essa lei garante que a paciente pode reconstruir a mama no mesmo procedimento cirúrgico da mastectomia. Para valer esse direito, é preciso que a mulher agende a cirurgia de reconstrução no mesmo local em que o seu tratamento foi feito.

DIREITO DE TRATAMENTO PELO SUS OU PLANO DE SAÚDE

Garante que todo paciente com suspeita de confirmação de câncer tenha direito ao tratamento.
!
Para se aprofundar e conhecer outros direitos, ligue para 0800 773 1666