https://institutoavon.org.br/wp-content/uploads/2020/11/pessoa-violence.png
https://institutoavon.org.br/wp-content/uploads/2021/02/LogoViolenciaInstitutoAvonMulher.png

Enfrentamento à violência contra mulheres e meninas

Promessa Avon para o Enfrentamento à Violência
Contra Mulheres e Meninas

Despertar a consciência sobre relacionamentos saudáveis ao incentivar a conversa, compartilhar conhecimento, estimular a ação e fortalecer a rede de apoio a mulheres e meninas.

Por que investimos nessa causa

Acreditamos em um mundo no qual mulheres e meninas vivam sem violência e abuso. Por isso, desde 2008, comprometemos nossos recursos financeiros, nossa equipe e a nossa energia para o desenvolvimento e apoio a ações e projetos que permitam às mulheres e meninas superarem este que é um dos principais desafios para a sua plena realização.

Os números da violência reforçam a urgência e a importância da nossa atuação:

  • 26.000% de crescimento no assédio virtual nos últimos três anos;
  • 4 meninas de até 13 anos são estupradas no Brasil a cada hora;
  • 68% das mulheres assassinadas são negras;
  • 52%  das mulheres não fazem nada depois de sofrer a violência;
  • 90% dos feminicídios são cometidos pelo companheiro ou ex-companheiro;
  • 2 em cada 3 assassinatos acontecem dentro de casa.

Nossa promessa

Com uma abordagem inovadora, com foco na construção de relacionamentos saudáveis, promoção do diálogo,
estímulo à ação e melhora da qualidade dos serviços oferecidos às mulheres, vamos:

Incentivar a conversa para trazer à luz as muitas formas de violências contra as mulheres e meninas e proporcionar espaços de conversa sobre o que é necessário fazer para acabar com elas.

Fornecer informações e estimular a ação para garantir que todos com quem atuamos- Representantes, funcionárias(os), clientes e parceiras(os) -tenham conhecimento para reconhecer as diversas formas de violência e saber o que fazer diante delas.

Melhorar o suporte para que, por meio da parceria com as organizações sociais, órgãos governamentais e empresas, as vítimas de violência tenham o apoio necessário e sejam tratadas com justiça quando procurarem ajuda ou relatarem abusos.

Nossa atuação
em números

Desde 2008, nos dedicamos ao apoio e proteção de mulheres e meninas em situação de violência por meio da articulação junto a instituições públicas e privadas e organizações sociais. Ao disseminarmos conhecimento e apoiarmos projetos que defendam essa mesma causa, contribuímos para a melhoria na qualidade dos serviços oferecidos e engajamos a sociedade para o debate e busca de soluções para enfrentarmos as violências contra mulheres e meninas.

  • 225

    projetos apoiados

  • 3

    milhões de pessoas impactadas

  • 1.1

    milhões de pessoas beneficiadas

  • 12 mil

    agentes públicos formados

  • +de 100

    empresas participantes da Coalizão Empresarial

  • 39

    milhões investidos

Ao lado de parceiros, de instituições públicas e privadas, do poder público e das mais de 1 milhão de Representantes, continuaremos avançando para que todas as mulheres e meninas possam viver de forma livre, segura e sem medo.

 

*Dados atualizados até 2019

Pilares de trabalho e Conteúdos

Conheça as frentes de trabalho nas quais atuamos para potencializarmos o alcance e a abrangência dos projetos e das ações que desenvolvemos e apoiamos.

1. Conhecimento

2. Articulação

3. Apoio a projetos

4. Engajamento

Saiba mais sobre o Enfrentamento
à violência contra mulheres e meninas

Dicas e informações importantes para o enfrentamento à violência contra mulheres e meninas e materiais compartilháveis para fazer a informação chegar a quem precisa.

  • Cuidar de quem cuida

    Um guia de orientações para respostas ao estresse e ao trauma entre profissionais de atendimento, cuidado e proteção no contexto da pandemia.

    Saiba Mais
  • Violência Patrimonial

    Os casos de retenção, subtração ou destruição de objetos, instrumentos de trabalho, documentos pessoais, bens e valores.

    Saiba Mais
  • Violência Psicológica

    Entenda por que não é normal você se sentir insegura e acuada dentro do relacionamento.

    Saiba Mais
  • Violência Doméstica

    Por que é tão difícil denunciar?

    Saiba Mais
  • Violência Virtual

    Fui vitima, e agora ?

    Saiba Mais
  • Cinco dicas para empoderar meninas negras

    Saiba Mais